5G no Brasil: como investir para aproveitar essa inovação?

Compartilhe com seus amigos:

5G no Brasil: como investir para aproveitar essa inovação?

A implementação da tecnologia 5G no Brasil pode impactar diversos setores da economia. Afinal, o novo sistema de redes móveis visa proporcionar uma conexão de internet ainda mais rápida e integrada.

Nesse sentido, os investidores podem aproveitar o movimento para realizar investimentos. No entanto, antes de fazer os aportes, é preciso conhecer mais sobre essa inovação e os impactos que ela pode causar no mercado financeiro.

Pensando nisso, este artigo visa mostrar como investir para aproveitar a tendência da tecnologia 5G no Brasil. Continue a leitura e confira!

O que é o 5G? 

Com o desenvolvimento da tecnologia, é comum que novos padrões de internet surjam e tragam mudanças na forma como as pessoas utilizam os aparelhos eletrônicos. Dessa forma, a tecnologia 5G permite o uso de novas funcionalidades e um aumento significativo da velocidade das conexões.

Também conhecido como quinta geração da telefonia móvel, o 5G é uma tecnologia de transporte de dados em redes. Embora ele seja uma sucessão do 4G, é possível que tenha melhorias não apenas incrementais, mas também qualitativas.

Além disso, o 5G representa um avanço em relação aos padrões anteriores em diversos aspectos. Por exemplo, a tecnologia permite conectar mais dispositivos, o que é cada vez mais necessário diante do crescimento da internet das coisas.

Por aumentar a velocidade de conexão, ela possibilita um consumo de serviços mais complexos de forma rápida e simplificada. Assim, é possível ter comunicação em tempo real, realizar transferências de arquivos, consumir vídeos e áudios e jogar jogos eletrônicos.

A tecnologia 5G também reduz o tempo de latência. Isso permite que os dispositivos móveis tenham uma conexão que viabilize o uso de aplicações em tempo real ou que demandem troca de informações rapidamente.

Por ter maior capacidade de banda, essa inovação se destaca diante do aumento de informações que circulam na internet. A tendência é que essas características aumentem o potencial dos novos serviços sem fio com valor agregado.

Quais impactos o 5G causará no mercado?

Além do aumento da velocidade, o 5G trará impacto em todos os setores da sociedade. No setor de saúde, por exemplo, a tecnologia deve trazer novas formas de monitorar os pacientes, mesmo à distância.

Ainda que a telemedicina já seja uma realidade, a inovação deve aprimorar o processo. Isso deve abrir portas para diversas oportunidades de negócio.

Como exemplo, considere a criação de aplicativos ou dispositivos, inovações na indústria farmacêutica e mudanças nos seguros e planos de saúde. Com o 5G, eles poderão ser mais personalizados.

Na mobilidade urbana, as cidades poderão se tornar mais inteligentes. Com a expansão dos centros urbanos, a tecnologia 5G pode garantir a entrega de encomendas por meio de drones ou outros dispositivos autônomos, por exemplo.

Ademais, a realização de eventos e a organização do trânsito também podem ser aprimorados com a chegada do 5G no Brasil. Até mesmo as casas poderão se tornar cada vez mais conectadas.

Outro ponto relevante está no fato de que novas profissões já estão surgindo ou sendo modificadas por causa do avanço tecnológico. Isso inclui carreiras ligadas à tecnologia, gestão, educação, indústria, entre outras. Ou seja, diversas áreas da economia serão impactadas por mudanças.

Quais são as expectativas em torno das empresas de telecomunicação?

Como você viu, há a expectativa de que a tecnologia 5G no Brasil transforme diversos setores da economia. Nesse sentido, as empresas de telecomunicações serão uma das mais impactadas pelas mudanças.

Contudo, o setor ainda precisa se adaptar às transformações, o que demanda tempo. Ainda, diversos investimentos devem ser feitos para que a utilização do 5G no país seja viável. A área de infraestrutura das empresas de telecomunicações, por exemplo, precisara evoluir.

Outra expectativa se refere à chegada de uma nova geração de aparelhos eletrônicos. Ao mesmo tempo, as empresas precisarão se preparar para lidar com um grande volume de dados em alta velocidade e terão que repassar essa capacidade para os consumidores.

Por esse motivo, a tecnologia 5G no Brasil deve impulsionar o setor de telecomunicações na bolsa de valores. Ainda assim, é importante ter em mente que os investimentos feitos na área dificilmente terão retorno em curto prazo.

Como ainda devem acontecer mudanças, será necessário um tempo maior para o amadurecimento dos investimentos. Portanto, é provável que os impactos aconteçam no longo prazo. Porém, quem se interessa pela oportunidade pode buscar alternativas para iniciar os aportes.

Como se expor a esse movimento?

Agora você sabe que muitas empresas se beneficiarão do 5G no Brasil, o que pode aumentar o potencial de investimentos no longo prazo. Dessa forma, há possibilidades de buscar ativos que permitam se expor a esse mercado.

Nesse contexto, é possível investir em ETFs internacionais que buscam aproveitar o desenvolvimento dessa tecnologia. A sigla significa exchange traded funds (ou fundos de índice), que representam fundos de investimento que visam reproduzir o desempenho de um índice do mercado financeiro.

Assim, a composição do portfólio do ETF não depende da estratégia montada pelo gestor. Como visa replicar o desempenho de um indicador de referência, também chamado de benchmark, ele segue a carteira teórica do índice.

Vale ressaltar que existem diversos indicadores financeiros no Brasil e no mundo. Portanto, esses fundos não precisam seguir um índice nacional ou de ações. Com isso, surgem oportunidades de encontrar ETFs que visam replicar a performance de indicadores da área de tecnologia.

Investir em ETFs é, portanto, uma forma simples e acessível de se expor ao segmento. Além disso, a alternativa permite diversificar a carteira de maneira estratégica. Contudo, antes de escolher o fundo de índice, é necessário ter atenção ao seu perfil e objetivos. 

Lembre-se de que ETF são investimentos de renda variável, com maior exposição à volatilidade do mercado. Ainda, esses fundos podem ser mais adequados para objetivos de longo prazo, como você já aprendeu.

Conclusão

Com essas informações, você viu que a tecnologia 5G no Brasil promete tornar a conexão de internet muito mais ágil e trazer diversas oportunidades para negócios. Assim, aproveitar esse movimento pode ser uma forma de diversificar e rentabilizar a sua carteira de investimentos, desde que faça sentido para as suas necessidades.

Gostou das informações? Então compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais para que mais pessoas saibam como aproveitar a tecnologia 5G nos investimentos!

Deixe um comentário aqui =D